Coisas que te frustam no cinema


Oi amores
Tudo bem com vocês?

Hoje estou lançando mais uma categoria no AD: Frustrando a Vida.

Sabe aquelas situações do seu dia-a-dia que te deixa tão frustrada que chega a te enlouquecer se você não desabafar com alguém? Ou então as situações que você sequer percebe que aconteceu com você se alguém não te disser? Tipo, quando você está em um ônibus super lotado no qual você sequer consegue dar um passo de tão apertado que está, então aquela mulher cheia de bolsas e sacolas entra no ônibus te olha e diz: dá licença? Ou então quando alguém te adiciona no Facebook e tem a cara de pau de perguntar “Quem é você?”. Ou aquele seu vizinho sem noção que liga o som no último volume às 7:00hrs da manhã com a música brega da novela das 9 e não contente em só ouvir ele começa a cantar?

Pois então, é sobre isso o que direi nessa categoria que eu tenho certeza que vocês vão gostar!

Mas hoje, para inaugurar, o tema é:
COISAS QUE TE FRUSTRAM NO CINEMA.

# Você está na fila do cinema esperando, ansiosamente, aquele filme do ANO. E se esforçou para não ler nenhum Spoiler na net para poder se surpreender na sessão. Mas eis que você olha para trás e tem aquele garotinho de seis anos, lindinho, que sorri pra você e abraça a perna do pai. Você vira para frente despreocupadamente e ouve quando o garoto diz: Nossa, papai, sabia que o fulano de tal vai morrer? E aquela garota que ele estava defendendo desde o primeiro filme na verdade é uma vilã... E depois explode uma bomba atômica e todo mundo morre para não ter mais nenhuma continuação? (Sim, eu já vivi isso. Garoto dos infernos)

# Você entra no cinema mesmo sabendo o que vai acontecer, e reza para que o garotinho esteja sentado a quilômetros de você. Você escolhe a penúltima fila e a poltrona do meio, mas tem um casal que se aproxima e se senta duas poltronas depois de você, como um sinal de respeito pelo seu espaço. Super normal. Você se espalha, joga sua bolsa no chão, abre a pipoca e o refrigerante, e se prepara para assistir, só que nesse segundo vem aquele grupo de amigos que pede para que você deixe o seu lugar que já está quentinho e que vá para aquela poltrona desocupada para que eles possam se sentar todos juntos e bagunçar ao seu lado.

# Você não se importa (muito), coloca os seus óculos 3D e percebe que ele está arranhado, e que vai te incomodar, então você têm que pedir licença para todo mundo, e correr até a entrada antes que o filme comece e rezando para que ninguém mecha na sua bolsa que você deixou encima da poltrona mostrando que tem alguém ali.

#O filme começa, e tudo ocorre bem até que você percebe que tem um casal do seu lado esquerdo, direito, encima e embaixo que estão fazendo tanto barulho se beijando que chega a te dar nojo do beijo. O pior é que não tem como escapar daquele som atormentador que entra na sua mente e não sai mais. O ministério da saúde adverte... Beijar no cinema não é legal!

# Mas não são só os casais que conseguem fazer você se irritar. Também tem aquele grupo de pré-adolescentes que não sabem o que fazer e resolvem tirar impar e par para escolher um filme para assistir, e infelizmente é o da sua sessão. Eles se sentaram na fileira acima de você, gritam, riem super alto, se xingam, zoam o filme que você ama e, em um certo momento eles tem a coragem de jogar pipoca, até que você suspira, se ergue, olha pra eles e fala: Joga mais uma #@$%& dessa e faço você engolir os dentes. Tá achando que isso aqui é a final da copa do mundo? Bem, pelo menos todo mundo te apóia nessa hora! Nessa altura sua sessão está um lixo por que você está com raiva do garotinho, dos óculos, deveria estar na sua poltrona quentinha e que tinha uma ótima visualização, raiva dos beijos e dos pré-adolescentes.

# Mas como se não bastasse aquele cara na sua frente, o do casal que não parava de se beijar, deixa o celular no modo vibrar, como se o celular vibrando não fizesse nenhum barulho no meio de uma sala enorme e com eco em que todos querem o mínimo silêncio. Mas ele não se incomoda com isso, pega o celular e responde as mensagens despreocupadamente, sem perceber o quanto irrita o brilho do visor.  

# E quando o filme está naquela cena de pura ação e descobertas a sua bexiga arde te lembrando de que se você segurar mais pouco, ela vai acabar fazendo com que você faça xixi na roupa. Então você pega sua bolsa, atrapalha os outros que estão quietos pedindo licença e vai para o banheiro, mas quando volta percebe que o filme acabou.


E percebe que o que o Chávez disse é a mais pura verdade: Você teria preferido ver o filme do Pelé!




0 comentários:

Postar um comentário

Desde já, obrigada pela visita e pelo comentário.

Volte sempre <3